O que são Drogas?

O que são Drogas?

Drogas são substâncias não produzidas pelo organismo que alteram o comportamento e demais funções, existem diversos tipos de drogas como também efeitos dos mais variados, o uso de drogas causa dependência química e psíquica, trazendo diversos males à saúde do usuário. As drogas também se definem como substâncias psicotrópicas, que atuam sobre o cérebro alterando o psiquismo, também conhecidas como substâncias psicoativas. 

Drogas estimulantes do sistema nervoso central:

Crack, cocaína, anfetaminas e tabaco, aceleram a atividade neural, trazendo um estado de alerta exagerado, insônia e aceleração do organismo na área psíquica.

A Clinica de recuperação Clínica de Tratamento de Drogas e dependentes químicos ao longo dos anos de trabalho vem percebendo mudanças drásticas na tecnologia das substâncias químicas, (drogas) como a cocaína e o crack, a química destas drogas são alteradas para causar um grau maior de dependência, desta forma o consumo aumenta e acaba causando danos muito maiores e os dependentes de drogas ou usuário de drogas tem maior resistência ao tratamento da dependência química

Drogas depressoras do sistema nervoso central:

Álcool, barbitúricos, benzodiazepínicos, inalantes e opiáceos, diminuem a atividade cerebral deixando ele mais lento, reduz também a atividade motora, tira a ansiedade, a atenção, a concentração e a capacidade intelectual, dificultando a memorização. O consumo destas substâncias são mais intensos e tem mais visibilidade pela população do que outras drogas, desta forma o tratamento para usuários destas drogas, dependentes químicos viciados nessas substâncias químicas têm maior dificuldade de aderir ao tratamento, por conta de algumas destas drogas serem vendidas em qualquer esquina, existe também uma relação social e cultural com algumas delas, a Clínica de Tratamento de Drogas e Álcool a Clinica de recuperação vem a cada dia se especializando com os padrões de uso e comportamento destes dependentes de álcool e drogas, nosso centro de tratamento para alcoólatras e dependentes de drogas está desenvolvendo todos os dias novos métodos para se adequar a estas mudanças e desenvolver melhores resultados de recuperação da dependência química e alcoólica para nossos pacientes.

O consumo de álcool e remédios aumentou de maneira assustadora, a facilidade de compra de medicações sem receita médica e sem orientação acaba por complementar a vida de muitas pessoas que por motivos variados acham nestas substâncias uma forma de fuga.

O álcool por sua vez é vendido em todo lugar, e utilizado de forma abusiva em diversas ocasiões, desde uma festa a uma simples refeição, estes hábitos causam uma dependência muito forte no organismo e com o tempo o consumo aumenta, até chegar a um estado onde existe uma necessidade e não mais apenas a vontade do uso do álcool.

Drogas perturbadoras do sistema nervoso central:

Maconha, alucinógenos, LSD, ecstasy e anticolinérgicos, causam delírios, alucinações e alteração no senso de percepção, chamadas de alucinógenos. 

Estas substâncias são encontradas facilmente em festas chamadas “festas raves” ou eletrônicas, causando alterações muito perigosas no usuário, tiram o senso de realidade, causam visões e sons inexistentes tirando a pessoa da realidade. 

Por ser fácil ocultar o uso dessas drogas, elas são vendidas abertamente, muitas são confeccionadas na forma de comprimidos coloridos e pequenas figurinhas de papelão que são menores que a unha do dedo indicador, a sua tecnologia usa agentes alucinógenos como ácidos e outras substâncias. 

Também podem ser fervidas e consumidas como chá, conhecidos como “chá de cartucho ou lírio” e “chá de cogumelo”.

O limite do efeito causado por estas drogas é muito perigoso, temos exemplos de casos onde o viciado nesta categoria de drogas passa da realidade e não volta mais, mesmo sem fazer uso, causando distúrbios de comportamento e deficiência mental, pode sair do eixo da realidade e acabar vivendo em um mundo à parte, também temos casos onde o dependente desta classificação de droga adquire características de outra patologia como esquizofrenia, bipolaridade e outras fobias, a casos também que o usuário destas drogas ficam comprometidos com uma nova doença e além da doença da dependência química  é diagnosticado uma nova doença.

A realidade que estamos enfrentando hoje na clinica de recuperação para drogados e alcoólatras a Clinica de recuperação é que na maioria dos casos de dependentes químicos usuários de drogas como maconha, cocaína e crack, o maior número ainda de casos está ligado ao álcool, e todos estão comprometidos não somente fisicamente por conta do uso, mas também com características cada vez mais intensas ligadas a outras doenças. Para mais informações, entre em contato conosco via WhatsApp.