Tratamento involuntário para usuários de drogas

Tratamento involuntário para usuários de drogas

Um programa de tratamento involuntário para usuários de drogas para pessoas com dependência grave de substâncias e que sofreram ou estão em risco de danos graves ou capacidade de tomada de decisão comprometida. É um programa supervisionado de retirada médica e reabilitação com intervenções de suporte.

Tratamento involuntário para usuários de drogas

O tratamento involuntário para usuários de drogas é a primeira etapa do Programa. O tratamento involuntário para usuários de drogas inclui:

  • avaliação médica e psiquiátrica abrangente
  • gestão de retirada com supervisão médica
  • psicoeducação e programa terapêutico
  • pós-atendimento e planejamento de alta

No final do Tratamento involuntário para usuários de drogas, o paciente recebe alta e faz a transição para cuidados comunitários.

Uso de drogas no Brasil se tornou um tema de saúde pública, a falta de informações é uma realidade que as famílias vivem.

 O tratamento involuntário para usuários de drogas surgiu na lei 10.216 no ano de 2001 autorizando aos familiares de grau sanguíneo que pudessem fazer internações contra a vontade do seu ente querido quando eles estavam perdidos no mundo das drogas sem precisar a autorização de um juiz. Assim surgiu o tratamento involuntário para usuários de drogas no Brasil depois disso muitas empresas foram criadas porém não houve critério de atendimento quanto as reais demandas e necessidades que o paciente que estivesse se submetendo por conta da sua família a um tratamento involuntário para usuários de drogas correspondente realmente com uma solução de um de tratamento saúde.

No tratamento involuntário para usuários de drogas é o foco na reabilitação completa do paciente. Entendemos que mais importante do que longos períodos em internação é o resultado. Resultado para nós é ir além da abstinência de drogas e álcool. Resultado é promover uma mudança significativa, devolver a perspectiva de um futuro mais saudável e feliz. Por isso, nosso empenho está em tratar da sua saúde física e mental, treinar o equilíbrio emocional e desenvolver novas habilidades para transformar a sua vida.

Quando o tratamento involuntário para usuários de drogas é necessário?

Alto comprometimento da saúde física e mental, incapacidade momentânea para decisão e discernimento, negligência da vida familiar e social devido ao abuso de drogas ou álcool configuram o quadro clínico como dependência grave. O nível grave é classificado pelos riscos que o dependente químico expõe a si e a outras pessoas de seu convívio, sendo a intervenção através da internação involuntária ou compulsória a medida mais indicada por especialistas.

O direito à vida é absoluto e sempre prevalecerá ao direito da liberdade individual.

A possibilidade de recuperação deve prevalecer sobre a certeza de que as drogas podem levar do desequilíbrio psíquico e emocional até a morte.
Afinal quem ama, nunca desiste!

Este Tratamento involuntário para usuários de drogas deve ser sempre assistido por um médico especialista de uma clínica de recuperação credenciada onde estará estabilizando o quadro clínico do paciente e fazendo as observações necessárias para um colega psiquiatra afim de tirar o desconforto do processo de abstinência quando o paciente é internado na clínica de tratamento involuntário para usuários de drogas.

Para mais informações, entre em contato conosco via WhatsApp.